SINTAJ PB requer suspensão do atendimento presencial no Judiciário paraibano