Entidades ingressam com ação judicial para cobrar o cumprimento da lei que suspende temporariamente o pagamento dos empréstimos consignados